Polícia Civil apreende adolescente suspeito de assassinar criança, na Paraíba43150

De acordo com o delegado Reynaldo Nóbrega, o adolescente é envolvido com facções criminosas que fizeram uma troca de tiros no dia do crime, em Várzea Nova, Santa Rita, quando atingiram e mataram uma menina.

 A Polícia Civil apreendeu, nesta quarta-feira (26), um adolescente suspeito de ter envolvimento na morte de uma criança de 6 anos, assassinada durante um tiroteio em 17 de abril. O crime e a prisão ocorreram na cidade de Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontaram a participação do jovem no delito e foi expedido pela Justiça a determinação de sua apreensão, sendo cumprida por equipes do Núcleo de Homicídios da Delegacia Seccional de Polícia Civil da cidade

De acordo com o delegado Reynaldo Nóbrega, o adolescente é envolvido com facções criminosas que fizeram uma troca de tiros no dia do crime, em Várzea Nova, Santa Rita, quando atingiram e mataram uma menina.

Ainda conforme a Polícia Civil, as investigações apontam que o adolescente apreendido foi o autor dos disparos que assassinaram a criança. O delegado conta que o adolescente confessou a participação no caso.

“Este fato causou bastante clamor popular por ter sido a criança atingida por erro, durante uma troca de tiros entre facções rivais”, declarou Reynaldo Nóbrega.

Relembre

Uma criança de seis anos morreu após ser atingida, no dia 17 de abril, por bala perdida em Várzea Nova, distrito do município de Santa Rita. Ela foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, mas não resistiu.

A criança estava na casa da avó quando decidiu ir a um fiteiro, localizado perto da casa, com os irmãos. No caminho, homens chegaram em um carro e começaram a efetuar disparos.

 

Fonte: MaisPB