Atriz desabafa sobre preconceitos enfrentados por escolher adoção

A atriz contou sobre os principais questionamentos durante o processo de adoção.

Atriz desabafa sobre preconceitos enfrentados por escolher adoção

 Giovanna Ewbank desabafou ao falar de maternidade durante conversa no Centro Universitário FAG, em Cascavel, no Paraná. A atriz e apresentadora, que adotou duas crianças no Malawi, país da Africa, revelou detalhes da experiência e pressão que sofreu ao fazer essa escolha.

Titi e Bless foram adotados por Giovanna em conjunto com seu marido, Bruno Gagliasso. A atriz contou sobre os principais questionamentos durante o processo de adoção.

“Por que adoção? Como que uma mulher vem ao mundo e não quer gerar um ser do seu ventre? E os filhos de vocês vêm quando? Como é linda sua filha? Ela tem mãe? Seus filhos são lindos. Eles têm família? Esta são algumas das perguntas que uma mãe adotiva tem todos os dias. Eu sempre achei que eu fosse uma mulher que achava que o relógio biológico nunca ia despertar. Nunca havia pensado em ter filhos. E isso veio com muito questionamento, crítica, muita pressão”, relatou.

Giovanna também chamou atenção aos comentários sobre uma possível esterilidade, concluindo o quanto a situação foi machista. “Disseram que eu era estéril. Não. Eu não sou estéril. Nem meu marido. Mas não questionaram sobre ele. Mas a mim, mulher”, desabafou.

 

Fonte: MaisPB