Aparelho contra calvície, caixa que 'salva' a pele e mais: veja produtos que vão bombar em 2015

O iGrow deve ser usado até quatro vezes por semana, por cerca de 25 minutos, para obter os resultados, diz o CEO Jeff Braile.

Aparelho contra calvície, caixa que 'salva' a pele e mais: veja produtos que vão bombar em 2015

A CES 2015 chegou ao fim nesta sexta-feira com muitas novidades das grandes fabricantes. Mas a maior feira de tecnologia do mundo, realizada em Las Vegas, também mostrou muitos produtos interessantes de empresas novatas no mercado. Neste ano, tivemos alguns destaques, que vão desde produtos de saúde até celulares de alto luxo. 

dispositivo IGrow combate queda de cabelo (Foto: Fabrício Vitorino/ TechTudo)

iGrow
Um dos maiores pesadelos estéticos de homens e mulheres, a calvície, pode estar com os dias contatos. É o que promete a Apira, com seu surpreendente iGrow, aparelho que estimula o crescimento dos fios de cabelo através de lasers de baixa intensidade. O gadget obteve recentemente a aprovação do FDA, órgão que regula produtos e procedimentos médicos nos EUA.

O iGrow deve ser usado até quatro vezes por semana, por cerca de 25 minutos, para obter os resultados, diz o CEO Jeff Braile. Ainda segundo o especialista, em quatro meses, é possível obter até 30% de aumento no volume de fios de cabelo. O iGrow, que não tem efeitos colaterais como as drogas disponíveis no mercado, custa US$ 695 (cerca de R$ 1.900) nos EUA. É ver para crer.

Scanadu Scout (menor)_ CES 2015 (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)

A Scanadu é uma empresa fundada por europeus, que mudou para os EUA em busca de mercado. Suas duas inovações, o Scout e o Scanaflo, prometem facilitar muito a vida de profissionais de saúde - e de pacientes. Enquanto o primeiro mede pressão, volume de oxigênio no sangue, temperatura, pulso e frequência cardíaca, o segundo faz praticamente um exame laboratorial completo em questão de segundos (bilirrubina, albumina, diabetes, pH e infecções).

Mas o legal do Scanadu é que todos os dados são capturados pelo app específico e mostrados diretamente na tela do celular do usuário. Além disso, as informações podem ser repassadas para profissionais de saúde, ganhando assim tempo precioso, que pode ser decisivo para a vida de um paciente. Os produtos ainda estão pendentes de aprovação pelo FDA, mas, segundo o CEO, devem chegar ao mercado ainda no primeiro semestre de 2015.

Myskin OKU (Foto: Fabrício Vitorino / TechTudo)

Myskin OKU

O Myskin OKU é um pequeno cubo que, posicionado na pele do usuário, oferece uma leitura completa da mesma. Oleosidade, ressecamento, textura, elasticidade… Tudo é mostrado no app da empresa, que ajuda ainda a tomar decisões sobre tratamentos e dicas para cuidar da pele. E em uma cidade no meio do deserto, como Las Vegas, os resultados de um rápido escaneamento podem assustar.
..
Ao contrário do Scanadu e do iGrow, o OKU não foi buscar a aprovação do FDA, por ser bastante "onerosa e demorada", segunda sua CEO Sava Marinkovich. Por conta disso, os usuários não têm lá muita certeza da veracidade dos dados, mas quem quiser comprovar, o aparelho custa US$ 249 (cerca de R$ 680).

Ozobot (Foto: Fabrício Vitorino / TechTudo)

Ozobot

Os Ozobots são engraçadinhos e pequenininhos, mas na verdade sua missão é ensinar programação para crianças de uma forma divertida e intuitiva. Uma vez que os robozinhos seguem linhas e tomam decisões diferentes a partir de cores distintas, os pequenos podem se divertir associando seus rabiscos a movimentos dos Ozobots.

Além disso, você ainda pode programar os simpáticos bichinhos para dançar, correr e até brigar, por meio do aplicativo da empresa. Os pequeninos e divertidos robozinhos devem chegar ao mercado dentro d próximos meses, e o preço sugerido para sua venda é de US$ 50 (cerca de R$ 135, de acordo com o câmbio atual).

Zolt (Foto: Fabrício Vitorino / TechTudo)

Zolt

Carregar seus gadgets e seu notebook sempre foi uma tarefa complicada. Até agora. O Zolt é um pequeno adaptador com três tomadas USB: uma delas serve ao laptop, funcionando no PC e, futuramente, no Mac, enquanto as outras duas carregam celular e mais algum outro aparelho que esteja no seu bolso.

O Zolt acompanha uma coleção de adaptadores para praticamente todos os tipos de alimentação de notebooks, e tem preço sugerido de US$ 70 (cerca de R$ 189). O aparelho vem em cinco cores, acompanha um cabo de 2 metros e realmente é muito prático: basta dizer que ele eliminaria a fonte de seu note e dois carregadores.

Roost  (Foto: Fabrício Vitorino / TechTudo)

Roost

Tem alarmes contra incêndio na sua casa ou na sua empresa? Que tal receber alertas em seu celular, onde quer que esteja? É o que promete a bateria Roos: transformar seu alarme "burro" em um "smart" rapidamente.

A bateria de 9V custa cerca de US$ 40 (R$ 110). No entanto, até que a função Wi-Fi seja ativada, ela é apenas uma bateria comum. Por conta disso, sua carga pode durar até cinco anos, segundo a fabricante.

Fonte: TechTudo