Prefeito é acusado de descumprir o próprio Decreto participando de carreata e encontros políticos, em Nova Olinda50753

Ministério Público de Piancó, poderá instaurar Procedimento Eleitoral para constatar se houve propaganda antecipada.

O Prefeito Diogo Richelli Rosas, do município de Nova Olinda (PB), deverá ser acionado pelo Ministério Público Estadual da Paraíba, por descumprir decretos de isolamento social assinados por ele mesmo.

O fato é que o jovem gestor participou de uma carreata de apoiadores políticos na noite desta sexta-feira (06), que teve início na frente de sua casa, com direito a fogos de artifício e som de paredão, caracterizando campanha eleitoral antecipada.

O ato gerou grande repercussão negativa nas redes sociais, onde populares que cumprem as medidas de isolamento dispostas no Decreto do município e do Estado, questionaram a conduta de Diogo quanto o seu exemplo na condição de chefe do executivo.

Ainda nas redes sociais, Diogo divulgou dezenas de imagens dele ao lado de famílias, fazendo gestos de “vitória”, dando a entender que o prefeito vem fazendo sua pré-campanha livremente com visitas e eventos na cidade.

(Imagens da rede social do Prefeito Diogo)

Em um áudio vazado por apoiadores através do Whatsapp, o Prefeito diz: “Sexta-feira o cancão pia de novo”, onde pode estar orquestrando nova carreata.  

O Ministério Público de Piancó, poderá instaurar também, Procedimento Eleitoral, para constatar se houve ou não, propaganda eleitoral antecipada.

Segundo informações da Secretaria Municipal de Nova Olinda, a cidade já possui três casos positivos de Covid-19, além de 19 pessoas com síndrome gripal e 17 pessoas monitoradas, o que é mais preocupante, já que neste momento, a orientação é para o distanciamento social, contrastando com as atitudes do gestor local.

Segundo fontes seguras, na cidade, a campanha para as eleições de 2020 já deram início, com carreatas de ambos os lados, oposição e situação, além de outras agendas.

Fonte: Diamante Online