Meio Ambiente

30/11/2016 - 05:49:43

Projeto de reaproveitamento de água de dessalinização é alternativa em tempo de seca

Projeto reaproveita o concentrado resultado do processo de dessalinização da água de um poço que abastece escola e residências em Picuí, no Seridó da Paraíba

Autor: Redação do Portal

O Laboratório de Referência em Dessalinização (LABDES), da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), inaugura nessa quinta-feira (1º), às 10h, uma unidade demonstrativa de aproveitamento econômico do concentrado do processo de dessalinização para fins agrícolas no Distrito de Santa Luzia, na cidade de Picuí, no Seridó da Paraíba, a 226 km de João Pessoa. A unidade é parte de um projeto conveniado entre o laboratório, coordenado pelo professor Kepler Borges França, e a Agência Nacional de Águas (ANA), sendo um meio driblar os efeitos da seca na agricultura.

Cultivo hipodrônico, no qual a produção não toca o solo

O projeto reaproveita o concentrado resultado do processo de dessalinização da água de um poço instalado para abastecer a Escola Municipal de Ensino Fundamental Macário Zulmiro da Silva e algumas residências da região. Esse resíduo, fruto da dessalinização da água, pode acabar gerando um grande impacto ambiental na região se não for bem descartado e entrar em contato com o meio ambiente. Buscando alternativas de reaproveitar o concentrado, a equipe do LABDES criou uma estufa de hortaliças utilizando o cultivo hipodrônico, no qual a produção não toca o solo. A estufa foi criada dentro da escola e o resultados do cultivo serão utilizados para custear a manutenção da estufa e do dessalinizador.

Para dar andamento ao projeto, a equipe do LABDES realizou cursos de capacitação com membros da comunidade e ajudou na criação da Cooperativa Hidropônica Hidrovila, para que os moradores realizem a gestão do projeto. 

Fonte: Portal Correio