Política

30/12/2016 - 03:32:58

Governo do Estado investe R$ 1,28 bilhão no programa Caminhos da Paraíba

O programa foi criado em 2011 pelo governador Ricardo Coutinho com o objetivo de construir e restaurar rodovias que estavam deterioradas, e, inclusive, colocando em prática um projeto para tirar do isolamento com rodovias asfaltadas todos as 54 cidades que ainda eram servidas por estradas de terra.

Autor: Redação do Portal

O Governo do Estado já investiu R$ 1,28 bilhão no Programa Caminhos da Paraíba, contemplando 2.432 km de rodovias. O programa foi criado em 2011 pelo governador Ricardo Coutinho com o objetivo de construir e restaurar rodovias que estavam deterioradas, e, inclusive, colocando em prática um projeto para tirar do isolamento com rodovias asfaltadas todos as 54 cidades que ainda eram servidas por estradas de terra.

Resultado de imagem para Governo do Estado investe R$ 1,28 bilhão no programa Caminhos da Paraíba

De acordo com balanço das principais obras apresentado pelo diretor superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER-PB), Carlos Pereira de Carvalho e Silva, nesses seis anos de administração foram investidos um total de R$ 1.284.130.157,82. Somente em pavimentação (rodovias novas concluídas) foram 65 obras, com 917,2 km, com investimento de R$ 594.902.161,3. Em restauração de rodovias já existentes e deterioradas, foram 44 obras, com 1.101,4 km, com investimento de R$ 261.995.955,2 km. As obras concluídas chegam a 2.018,6 km, com investimento de R$ 986.179.801,94. Outras obras e serviços concluídos, inclusive de mobilidade urbana, são 19, onde o governo estadual investiu R$ 129.281,685,04.

Com o programa avançando em ritmo acelerado, Carlos Pereira adiantou que atualmente 16 obras de pavimentação estão em andamento, totalizando 242,2 km, com investimento de R$ 190.907.815,00. E ainda 10 obras de restauração com 171,3 km e investimento de R$ 88.057.321,04. Com mais sete obras a iniciar, o total em andamento atinge 413,5 km, com recursos de R$ 324.535.457,85 sendo aplicados.

Entre as muitas obras de mobilidade urbana em João Pessoa, Campina Grande e outras cidades do Estado, Carlos Pereira destaca o Trevo das Mangabeiras, beneficiando cerca de 200 mil habitantes dos bairros da zona zul da Capital, especialmente dos Bancários e de Mangabeira. Trata-se da maior obra de mobilidade urbana do governador Ricardo Coutinho, com investimento de R$ 25.708.109,29, recursos do Tesouro do Estado. Além de ser considerada uma obra de beleza arquitetônica invejável, o dirigente do DER diz que o Trevo resolveu em definitivo um velho problema de engarrafamento que existia na entrada do Bairro de Mangabeira. O projeto técnico de engenharia desenvolvido pelo DER permite o escoamento do tráfego viário diário rápido em todas as direções, proporcionando fluidez nas interseções das avenidas Josefa Taveira e Hilton Souto Maior Filho. Lembra que são cerca de 30 mil veículos por dia que ali circulam, sem nenhum engarrafamento.

Carlos Pereira destaca outras obras de mobilidade urbana em João Pessoa executadas pelo Governo do Estado e de grande alcance social, como a duplicação da Av. Cruz das Armas, entre a baixa de Oitizeiro ao Viaduto da BR-230; pavimentação da Perimetral Sul, atualmente em construção; e as passarelas do Renascer (estrada de Cabedelo), a do Boa Esperança (próximo do Viaduto do Geisel) e já assinou a ordem de serviço para a construção de outra entre o IESP e o Hiper, todas na BR-230. Na Grande João Pessoa o governo estadual construiu também o Binário de Bayeux, resolvendo o tráfego de veículos na Av. Liberdade; o acesso a Coqueirinho, no município do Conde, no Litoral Sul.

Contorno de Jacumã - Para desenvolver o turismo no Litoral Sul do Estado, o governador Ricardo Coutinho construiu o Contorno de Jacumã. O trecho, com uma extensão de 5 km, foi todo pavimentado, solucionando em definitivo um dos maiores problemas de engarrafamentos do trânsito, especialmente durante os feriados e festejos carnavalescos.

Utilizando recursos próprios, concluiu as obras do aeródromo de Cajazeiras; ponte sobre o Rio do Peixe em Patos; pavimentação da Av. Almeida Barreto, em Campina Grande; pavimentação dos acessos a Cachoeira dos Guedes em Guarabira e o acesso à comunidade do Bocadinho, em Cuité; alargamento da ponte de Galante/Fagundes; recuperação da ponte sobre o Rio Paraíba em Itabaiana; reconstrução da Ponte da Batalha, entre Santa Rita e Cruz do Espírito Santo; pavimentação da Avenida do Amor, em Cajazeiras; o Contorno de Guarabira, em Construção, entre várias outras obras de grande alcance social.

Entre as várias rodovias beneficiadas com rejuvenescimento e sinalização, o diretor do DER destaca as PB-073 entre Sapé e Guarabira; da PB-032 entre a BR-101 e Pedras de Fogo; da PB-071 entre a BR-101 a Jacaraú; da PB-250 entre a BR-412/Prata/Ouro Velho/Divisa da Paraíba com Pernambuco; da PB-008 entre a Av. Hilton Souto Maior e Monsenhor Magno e da PB-233 entre Santa Luzia/Várzea/Divisa da Paraíba com o Rio Grande do Norte.

GRANDES RODOVIAS

 

Anel do Cariri - Entre o grande número de rodovias pavimentadas e restauradas pelo Governo do Estado, o diretor de Operações do DER, Hélio Paredes Cunha Lima, destaca a pavimentação da maior obra rodoviária dos últimos 30 anos no Estado da Paraíba. Trata-se do Anel do Cariri, com uma extensão de 204,1 km, com um investimento de R$ 114.673.355,8 e que tirou do isolamento mais cinco municípios do Cariri paraibano: São João do Tigre, Camalaú, Congo, Caraúbas e São Domingos do Cariri.

 

Rodovia da Reintegração - Outra grande e importante rodovia pavimentada pelo Governo do Estado foi a PB-228, denominada a Rodovia da Reintegração, com 84,2 km, interligando os municípios de Assunção, Salgadinho, Areia de Baraúna, Passagem, Quixaba, Entroncamento BR-230 e acesso a Cacimba de Areia, incluindo a restauração e adequação de capacidade do Entroncamento da BR-230 a Assunção, com 8 km. O investimento total é de R$ 62.409.907.92. Trata-se de uma rodovia com o mesmo padrão técnico de uma rodovia federal.

 

Estrada Segura - O diretor de Planejamento e Transportes do DER, José Arnaldo Souza Lima, ressaltou por sua vez que o Governo do Estado, preocupado em garantir os investimentos realizados e a qualidade da rede estadual pavimentada, criou o Programa Estrada Segura, destinado a executar todo um trabalho voltado para a conservação rotineira da malha rodoviária, com serviços de roço na faixa de domínio, tapa buraco, limpeza da drenagem e renovação da sinalização horizontal e vertical. O programa é muito importante para reduzir acidentes e evitar danos nos veículos e, consequetemente, prejuízo aos seus proprietários. Neste programa, até o final de 2018, serão investidos cerca de R$ 40 milhões.

 

Fonte: Redação do Portal Vale do Piancó Notícias