Conceição-PB

12/01/2017 - 04:28:06

Concurso Público: Professora ganha ação no TJPB e irá assumir vaga na prefeitura de Conceição

Sem mágoas, sem mágoas”, desabafou a professora Luzinete Pessoa.

Autor: Redação do Portal

 O currículo é de encher os olhos: Licenciatura em Ciências, com habilitação em matemática, Pós graduação em Educação matemática, Jovens e adultos, Psicopedagogia, dezenas de cursos na área de educação, dezenas de cursos de capacitação na área da educação, curso de capacitação de Gestão Escolar, diversos cursos na área de informática, aprovação em vários concursos públicos, a exemplo do Estado de Rondônia, prefeitura de Guarujá, do Estado da Paraíba, Banco do Brasil, três vezes consecutivas no Pró-jovem Urbano.

Com toda essa capacitação, a professora norte riograndense radicada em Conceição por laços matrimoniais, Luzinete Pessoa dos Santos era uma das únicas remanescentes na luta para assumir de vez a função corresponde à sua aprovação no concurso público de Conceição. Talvez por questões de ego mesmo dado a informação do vasto currículo da postulante! O fato é que a duras penas de sofrimento, ela lutou, relutou e enfim, deverá ser reconvocada por determinação do Tribunal de Justiça do estado da Paraíba.

Até o momento foram mais de 4 anos de sofrimento, de angústia, de humilhação, mas como frisado anteriormente, era uma questão de honra da própria professora, que não se ajoelhou diante da opressão e baseada em uma decisão favorável do Desembargador João Alves, do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba, Luzinete Pessoa deverá assumir em breve a função, para qual foi aprovada no concurso público de Conceição.

“Como dizia William Shakespeare, todo mundo é capaz de dominar a dor, exceto quem a sente. Foram longas noites sem dormir. O fato ocorria não, necessariamente, pela necessidade, mas pela forma como fui tratada, pela humilhação sofrida. Era uma questão de honra minha vencer essa luta de tapetão, pois a principal eu já havia conseguido ao ser aprovada de forma honrosa no concurso. Entre outras coisas eu devo ressaltar que me sinto, neste momento, uma pessoa realizada. Quero exercer com dignidade o meu cargo, pois tenho certeza que, diante de tudo que ocorreu comigo, será muito importante para meu currículo. Sem mágoas, sem mágoas”, desabafou a professora Luzinete Pessoa.

Atualmente Luzinete Pessoa é Gestora Adjunta da Escola Estadual Maestro José Siqueira.

A decisão do Tribunal de Justiça já foi encaminhada para a Comarca de Conceição, que irá notificar o gestor municipal, para o seu cumprimento.

Fonte: Redação do Portal Vale do Piancó Notícias